quarta-feira, 20 de maio de 2009

obrigado

Imagem: autor desconhecido
todos os dias agradeço pela generosidade
daqueles que vem navegando ao meu lado
mesmo só, há muito não estou sozinho
que venham os dias, cinzas ou de sol
e que sempre haja vozes para a memória

quarta-feira, 6 de maio de 2009

egoismo

gostava do amor mais leve, gostava do amor harmônico, gostava do amor tranquilo, sem coisas súbitas ou obrigatórias. gostava do amor de velho, sereno, naquela paz de quem não tem pressa e sabe que nada vai necessariamente acontecer agora, mas pode ser que aconteça e então será bom. gostava de imaginar esse amor sem pressão, de ficar curtindo o sonho do que pode acontecer - mas, se não acontecer, não tem problema. viver é bom mesmo sozinho. mas caminhar ao lado é bom também. enfim, tudo é bom.

sábado, 2 de maio de 2009

eu sou mais cool que você,obsoleto rascunho abstrato.

O "morar na Vila Madalena" é o seguinte: "quero contar pra todo mundo que eu sou cool e o que estou fazendo. Quero que todos se interessem pela minha vida. Quero que todos pensem que vivo uma vida legal, cheia de arte e de situações interessantes, nada monótona. Que eu assisto aos melhores programas na televisão, que eu vejo as melhores séries, que vou às baladas mais legais, que tenho opinião formada sobre tudo e sempre tenho algo relevante a dizer sobre os assuntos do momento". O "morar na vila Madalena em S.P" é isso. Coisa de jacu fantasiado(a) de artista, pseudo intelectual, autêntico debiloide mental que quer ser celebridade. Perdão aos amigos que vivem lá, mas, francamente, ô coisa besta.

a arte de dizer não.

Eu gosto de infâmia. Por isso sem meias verdades aqui. Tenha a bondade!